fbpx

Gengiva inchada? Eu te explico porque.

genvigite

GENGIVA INCHADA? Eu te explico porque.

Quantas vezes você escova os dentes por dia? E quantas vezes usa o fio dental? Talvez você nem perceba que sua gengiva está inchada, mas pode ser um alerta de algum problema!

Pra começar, o inchaço gengival (ou edema) é um dos principais sintomas da gengivite. Como o próprio nome já diz, a Gengivite é uma inflamação na gengiva. É o primeiro estágio da doença gengival e, por isso, é mais “fácil” de ser tratada.

O fator causador da gengivite é a placa bacteriana (ou biofilme dental). Em outras palavras, é aquela camada viscosa e levemente esbranquiçada que se forma, de maneira constante, sobre os dentes e gengiva.

(Faz um teste: Passa a língua sobre a face externa dos dentes se você estiver há algumas horas sem escová-los. Sente uma camada rugosa?? Melhor, arraste a sua unha na mesma face do dente e veja se essa camada rugosa não sai na sua unha, como uma massa esbranquiçada?)

Da mesma forma que a placa sai com a unha, sai também na higiene bucal diária! A placa bacteriana é facilmente removida com uma boa escovação e com o fio dental (se usado corretamente, é claro..)

Se essa placa não for removida corretamente pela escovação e uso de fio dental diários, ela começa a se tornar patogênica. Ou seja, torna-se uma potencial causadora de inflamação e pode originar a gengivite.

“Dr. Bruno, e por que minha gengiva fica inchada?”

gengiva inchada

Boa pergunta! Via de regra, o inchaço gengival é decorrente de um processo inflamatório que acomete a gengiva. Entretanto, não significa necessariamente que toda gengiva inchada está relacionada com uma gengivite.

Existem outras situações em que a gengiva pode inchar também. Existem alguns casos de crescimento gengival causado por medicamentos, por exemplo.

Por sorte, os sintomas da gengivite são fáceis de perceber e nos ajudam a diagnosticar rapidamente um problema gengival.

Os principais sintomas da gengivite são:

  1. Sangramento gengival – o mais fácil de notar e o primeiro a despertar a atenção dos pacientes;
  2. Gengiva inchada – a inflamação local provoca uma mudança no formato da gengiva, deixando-a com um aspecto de “gorda”;
  3. Vermelhidão – como qualquer processo inflamatório, o aumento dos vasos sanguíneos num local inflamado provoca a mudança na coloração e também no aumento da temperatura
  4. Dor ou sensibilidade – esse sintoma pouco aparece na primeira fase da doença.

Durante o estágio inicial da doença, os danos causados na gengiva são facilmente reversíveis. Isso se dá uma vez que o osso e os ligamentos (tecidos periodontais de suporte dos dentes) ainda não foram atingidos pela doença (eu disse AINDA). Para isso, o paciente precisa procurar imediatamente um Periodontista e restabelecer os bons hábitos de higiene bucal!
Entretanto, se não for tratada, uma gengivite pode evoluir para uma doença mais severa chamada periodontite. Nesse caso, os danos causados às estruturas de suporte dos dentes são irreversíveis, como a perda óssea.

(Se você quer saber mais sobre a PERIODONTITE, clique AQUI nesse link!)

Como posso prevenir a gengivite?

Manter um boa higiene bucal é essencial e é a dica mais importante. Porém, a consulta periódica com o Periodontista também é extremamente importante.
Uma vez que a placa bacteriana se acumula por mais tempo e endurece (ou calcifica), ela se transforma em tártaro (ou cálculo, como é corretamente conhecido). Após essa calcificação, fica difícil tirar sozinho em casa – apenas o dentista pode removê-lo.
Nesse caso, você precisa passar rapidamente por uma consulta com seu Periodontista para que ele possa remover o cálculo. Quanto mais tempo você demorar, maiores as chances de desenvolver uma periodontite.

Procurando um Periodontista em Salvador?

 

gengiva inchada

5 DICAS PARA PREVENIR A GENGIVA INCHADA:

Pra finalizar, anota aí essas 5 DICAS infalíveis para você evitar a gengivite:

  • Escove os dentes corretamente, ao menos, após as 3 principais refeições;
  • Use adequadamente o fio dental para remover a placa e os restos de alimentos;
  • Mantenha uma alimentação correta e menos artificial possível;
  • Evitar cigarros e outras formas de tabaco;
  • Vá ao dentista regularmente!

Gostou das dicas? Então compartilha esse artigo! 😉
Espero ter ajudado e tirado suas dúvidas sobre a gengiva inchada.

Se ainda quiser fazer alguma pergunta, escreve aqui embaixo nos comentários e eu terei a maior satisfação em responder!

**PS: Se estiver procurando algum periodontista em Salvador (BA), deixarei aqui nesse LINK o meu WhatsApp, ok? 😉

2018-12-19T17:10:31-03:00
%d blogueiros gostam disto: